Mundo: Parlamento britânico aprova emenda para novo adiamento do Brexit - - PressFrom - Brasil

Mundo Parlamento britânico aprova emenda para novo adiamento do Brexit

17:55  19 outubro  2019
17:55  19 outubro  2019 Fonte:   dw.com

Por que o Parlamento britânico decidiu atrasar o Brexit

  Por que o Parlamento britânico decidiu atrasar o Brexit Por que o Parlamento britânico decidiu atrasar o BrexitA primeira votação do dia foi sobre uma emenda apresentada pelo parlamentar independente Oliver Letwin. Ela determina que o acordo para o Brexit não pode ser aprovado até que a legislação para implementá-lo seja ratificada. O texto foi aprovado por 322 votos a favor e 306 contra. Com isso, o acordo em si não foi votado.

O Parlamento britânico aprovou , terça-feira, o acordo alcançado com a UE para a saída do Reino Unido. Mas os deputados disseram não ao calendário proposto pelo governo para a aprovação da legislação referente ao Parlamento britânico aprova emenda para novo adiamento do Brexit .

Um novo adiamento do ' Brexit ' não "serve os interesses de ninguém", afirmou este sábado a Presidência da República Francesa, instando Um acordo foi negociado, cabe agora ao parlamento britânico dizer se o aprova ou não. É preciso uma votação sobre o seu conteúdo", reagiu o Palácio

Provided by Deutsche Welle© picture-alliance/dpa Provided by Deutsche Welle

Os deputados britânicos aprovaram, este sábado (19.10), uma emenda que obriga o primeiro-ministro Boris Johnson a solicitar uma nova extensão do prazo para a saída do Reino Unido da União Europeia.

Depois do anúncio do acordo alcançado com a União Europeia, foram propostas no Reino Unido três emendas. A mais forte, consideraram os analistas, foi a alteração submetida por Oliver Letwin, deputado conservador, e que pedia a suspensão da aprovação do acordo até que a legislação para a ratificar fosse aprovada. A proposta acabou por ser aprovada por 322 votos a favor e 306 votos contra.

Johnson não assina carta enviada pelo governo britânico solicitando adiamento do Brexit

  Johnson não assina carta enviada pelo governo britânico solicitando adiamento do Brexit Mandou 2ª carta pedindo apoio. Adiamento seria 'corrosivo', diz

Londres, 19 out (EFE).- O Parlamento britânico aprovou neste sábado uma emenda que força o primeiro-ministro, Boris Johnson, a pedir um adiamento do Brexit

Por 322 a 306, o Parlamento aprovou a emenda apresentada pelo ex-legislador do Partido Conservador Oliver Letwin. SÃO PAULO – O Parlamento do Reino Unido aprovou neste sábado (19) uma emenda que obriga o governo britânico a procurar uma extensão do prazo para o Brexit

Na sua intervenção no Parlamento, esta manhã, Boris Johnson defendeu a urgência na conclusão deste processo. "É urgente seguir em frente, para construir um novo relacionamento com nossos amigos na UE com base num novo acordo, um acordo que pode curar a cisão na política britânica. Agora está na altura de esta grande Câmara dos Comuns se unir e unir o país", afirmou.

Também a antiga primeira-ministra britânica Theresa May apelou ao voto a favor do acordo. "Hoje, todos os membros desta Câmara têm a responsabilidade de decidir se vão ou não colocar o interesse nacional em primeiro lugar. E não apenas uma questão ideológica ou um interesse de um partido político, mas também os interesses mais vastos dos nossos eleitores", argumentou.


UE concede novo adiamento do Brexit para Reino Unido debater eleição .
UE concede novo adiamento do Brexit para Reino Unido debater eleição"Houve total consenso sobre a necessidade de uma extensão", disse uma autoridade da UE após embaixadores dos outros 27 países-membros do bloco se reunirem para debater o adiamento da saída britânica, menos de uma semana antes do prazo atual de 31 de outubro.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 0
Isto é interessante!