Mundo 30 anos da queda do Muro de Berlim: passeio de bike conta a história

13:40  08 novembro  2019
13:40  08 novembro  2019 Fonte:   rotadeferias.com.br

Falsos soldados são expulsos do lendário Checkpoint Charlie em Berlim

  Falsos soldados são expulsos do lendário Checkpoint Charlie em Berlim As autoridades de Berlim decidiram nesta segunda-feira (4), 30 anos após a queda do Muro, proibir o acesso ao lendário Checkpoint Charlie a artistas que se fantasiam de soldados americanos para ganhar dinheiro ao serem fotografados por turistas. O Checkpoint Charlie, localizado no coração de Berlim, foi durante a Guerra Fria um dos principais pontos de trânsito entre o Leste e Oeste na época do Muro. Desde 1989, tornou-se um dos lugares mais visitados pelos turistas.

Bandeiras do Irã em praça de Teerã© Reuters/Morteza Nikoubazl Bandeiras do Irã em praça de Teerã

DUBAI (Reuters) - A mídia iraniana informou nesta sexta-feira que o Irã abateu um avião não tripulado sobre a cidade portuária de Mahshahr, no sul do país, sem fornecer mais detalhes.

"O Exército do Irã derrubou um drone desconhecido na cidade portuária de Mahshahr", informou a agência de notícias semi-oficial Tasnim.

Outros veículos de notícias iranianos publicaram a mesma informação, sem detalhar se era um avião militar ou civil. As autoridades iranianas não estavam imediatamente disponíveis para comentar.

A agência Isna e o YJC, um afiliado da emissora estatal do Irã, disseram que "um objeto voador desconhecido" foi abatido pelo Exército iraniano, acrescentando que a informação ainda não tinha sido confirmada pelas autoridades iranianas.

Em junho, o Irã abateu um drone de vigilância dos EUA, que a Guarda Revolucionária iraniana disse estar sobrevoando o sul do país. Os EUA disseram que o avião norte-americano foi derrubado pelo Irã no espaço aéreo internacional sobre o Estreito de Ormuz, no Golfo Pérsico.

As relações entre o Irã e os Estados Unidos pioraram desde o ano passado, quando o presidente norte-americano, Donald Trump, retirou o país do acordo nuclear de 2015 do Irã com potências mundiais e restabeleceu as sanções ao país.

(Por Parisa Hafezi)

Alemanha celebra memória coletiva nos 30 anos da queda do muro de Berlim .
A capital alemã recebeu na noite deste sábado (9) uma série de shows, discussões e discursos de autoridades e testemunhas oculares da história num grande palco montado em frente ao Portão de Brandemburgo, marco da separação do país em dois Estados, a partir de 1961, com a construção do muro de Berlim. O evento, que celebrou as três décadas da abertura da fronteira entre Alemanha oriental e ocidental, contou com a projeção de imagens de momentos icônicos da história alemã e terminou com uma grande explosão de fogos de artifício, tendo como protagonistas os jovens – entre eles refugiados, ativistas climáticos e estudantes.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 0
Isto é interessante!