Mundo China vai restringir jogos online em 90 minutos por dia útil

11:40  10 novembro  2019
11:40  10 novembro  2019 Fonte:   poder360.com.br

O homem que ‘virou político’ para poder espalhar fake news no Facebook

  O homem que ‘virou político’ para poder espalhar fake news no Facebook Ativista decidiu se registrar como candidato ao governo da Califórnia apenas para confrontar a forma como a gigante da tecnologia veicula anúnciosO objetivo de Adriel Hampton, de San Francisco, é confrontar a decisão da gigante de tecnologia de permitir a veiculação de propaganda política não-verificada em sua plataforma.

China vai restringir jogos online em 90 minutos por dia útil

O governo chinês informou que vai restringir o horário de os menores de idade praticarem jogos online durante 90 minutos por dia útil , como parte dos esforços para evitar o vício em jogos . Rovena Rosa/Agência Brasil.

Jovens com 18 anos ou menos não poderão jogar online das 22h às 8h© Rovena Rosa/Agência Brasil Jovens com 18 anos ou menos não poderão jogar online das 22h às 8h

O governo chinês informou que restringirá o tempo que os menores de idade passam jogando online a 90 minutos por dia útil. A iniciativa é parte dos esforços para evitar o vício em jogos.

De acordo com o novo regulamento, haverá também restrição em relação ao horário. Jovens com 18 anos ou menos não poderão jogar online das 22h às 8h. Nos fins de semana e feriados, a restrição será mais branda: os menores de idade poderão jogar até 3 horas diárias.

Para jogar, os internautas deverão fazer 1 registro com o nome real e outras informações de identificação. Um sistema para validar esses dados pessoais foi implantado.

A agência estatal de notícias Xinhua informa que, caso os provedores de jogos online não cumpram os novos regulamentos, poderão ter suas autorizações de empreendimento revogadas.

(Com informações da Agência Brasil)


China dispõe US$100 bilhões para investimentos no Brasil .
Prioridade são projetos de infraestruturaDe acordo com reportagem do jornal Folha de S.Paulo, divulgada nesta 6ª feira (15.nov.2019), durante as reuniões dos Brics –grupo que, além do Brasil, reúne Rússia, Índia, China e África do Sul– o gigante asiático também sinalizou, com uma expansão de crédito, que irá competir principalmente por clientes do agronegócio e da indústria.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 0
Isto é interessante!