Política Bolsonaro: ‘Não condenarei o povo à miséria para receber elogio da mídia’

04:41  26 março  2020
04:41  26 março  2020 Fonte:   estadao.com.br

Bolsonaro fala em "luta de poder" e diz que isolar chefe do Executivo seria golpe

  Bolsonaro fala em Bolsonaro fala em "luta de poder" e diz que isolar chefe do Executivo seria golpeUm dia depois de desafiar os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a irem às ruas testar sua popularidade, Bolsonaro voltou a atacar os líderes do Legislativo, que o criticaram por ter se juntado no domingo a uma multidão em frente ao Palácio do Planalto que participava de manifestações que tinham o Congresso como um dos alvos principais.

Você acaba de receber o bolsonaro atleta da sorte. Repasse para ficar imune ao corona. pic.twitter.com/lP0D8sdm5Q. ' Não condenarei povo à miséria para receber elogio da mídia ', diz Bolsonaro .

' Não condenarei povo à miséria para receber elogio da mídia ', diz Bolsonaro . O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou na noite de hoje, em seu perfil do Twitter, que fazer

Bolsonaro tem feito duras críticas ao isolamento social decidido pelos Estados. © Dida Sampaio/Estadão Bolsonaro tem feito duras críticas ao isolamento social decidido pelos Estados.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quarta-feira, 25, que não vai condenar a população "à miséria" para receber elogio da mídia ou de quem "até ontem assaltava o País". "Se estivesse pensando em mim, lavaria as mãos e jogaria para a plateia, como fazem uns. Penso no povo, que logo enfrentará um mal ainda maior do que o vírus se tudo seguir parado", escreveu o presidente em sua conta oficial no Twitter.

Acompanhe nossa cobertura sobre o coronavírus.
Últimas notícias, perguntas e respostas e como se cuidar.

A questão econômica tem permeado os discursos de Bolsonaro nos últimos dias. Em pronunciamento nesta terça-feira, 24, o presidente criticou autoridades estaduais e municipais que proibiram transporte e determinaram o fechamento dos comércios e o confinamento em massa.

Correria risco para pegar metrô lotado em SP, diz Bolsonaro

  Correria risco para pegar metrô lotado em SP, diz Bolsonaro Correria risco para pegar metrô lotado em SP, diz Bolsonaro

Bolsonaro disse que avaliava uma ligação para o presidente chinês, Xi Jinping. Segundo Bolsonaro , não partiu dele a acusação. Eduardo, que preside a Comissão de Relações Exteriores, com influência direta na política externa brasileira, disse que não ofendeu o povo chinês e que ‘tal

Você daria emprego ao presidente? Mídia esconde miséria e funcionário do ano! Acabamos por não abordarmos com maior profundidade as causas estruturais que levam o nosso país e o povo ao buraco.

A pressão para o fim da medida, segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, vem de investidores que tiveram perdas na Bolsa de Valores.

Na rede social, Bolsonaro escreveu ainda que não há como dessassociar emprego de saúde e, sem produzir, empresas não terão como pagar salários e servidores deixarão de receber. "Chega de demagogia! Não há saúde na miséria", disse.

Com a justificativa de preservar a economia do País, Bolsonaro tem defendido a flexibilização da quarentena a partir da ideia de 'isolamento vertical', que compreende apenas o grupo de risco.

"Desemprego é crise muito pior do que coronavírus", diz Bolsonaro

  "Desemprego é crise muito pior do que coronavírus", diz Bolsonaro

Bolsonaro também fez uma visita de Estado a Israel, onde foi recebido pelo primeiro-ministro A decisão gerou reação adversa da imprensa internacional, já que Moro havia condenado o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva Bolsonaro dá posse à equipe ministerial no Palácio do Planalto.

Jair Bolsonaro classificou o panelaço convocado para hoje contra o governo como um movimento "espontâneo" e uma "expressão da democracia". Em coletiva de imprensa, o chefe do Planalto pontuou que também haverá na noite de hoje, às 21 um panelaço a favor do governo.

Nesta quarta, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, alinhou seu discurso ao do presidente e afirmou que é preciso melhorar a quarentena. "Não ficou bom. Foi precipitado, foi desarrumado”, disse.

Após chamar o novo coronavírus de "gripezinha", o mandatário afirmou não querer descaso com a doença. "Não queremos descaso com a questão da Covid-19. Apenas buscamos a dose adequada para combater esse mal sem causar um ainda maior. Se todos colaborarem, poderemos cuidar e proteger os idosos e demais grupos de risco, manter os cuidados diários de prevenção e o país funcionando."

Mulher de Moro sai em defesa de Mandetta depois de críticas de Bolsonaro .
Mulher de Moro sai em defesa de Mandetta depois de críticas de Bolsonaro“Entre ciência e achismos eu fico com a ciência. Se você chega doente em 1 médico, se tem uma doença rara você não quer ouvir um técnico? Henrique Mandetta tem sido o médico de todos nós e minhas saudações são para ele. In Mandetta I trust”, escreveu ao publicar uma foto do ministro.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais
usr: 3
Isto é interessante!