Política: Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial - PressFrom - Brasil

PolíticaCom dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial

05:21  18 junho  2019
05:21  18 junho  2019 Fonte:   estadao.com.br

Justiça derruba liminar que suspendia leilão da Avianca

Justiça derruba liminar que suspendia leilão da Avianca Justiça derruba liminar que suspendia leilão da Avianca

Justiça de SP aceita pedido de recuperação judicial da Odebrecht . A Odebrecht , que entrou com um dos maiores pedidos de recuperação judicial da história da América Latina, com dívidas totais de 98,5 bilhões de reais, já havia iniciado uma reestruturação da dívida com detentores de bônus

Emílio Odebrecht , que sempre foi contra pedir recuperação judicial , pode estar mudando de ideia porque "a água está subindo nos seus calcanhares", revela o jornalista.

Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial © JF Diorio/ESTADÃO Empresa está sem alternativas para resolver seu problema de liquidez financeira

O pedido de recuperação judicial feito pela Odebrecht SA, nesta segunda-feira, 17, na 1ª Vara de Falências e Recuperação Judicial, desmonta um dos maiores impérios que o Brasil já teve. Com dívidas de R$ 98,5 bilhões (incluindo empréstimos intercompanhias), a empresa – que já foi símbolo da bonança da economia brasileira – agora é responsável pela maior recuperação judicial da história do País – e da América Latina.

Desde que virou um dos pivôs do maior escândalo de corrupção do Brasil, a Operação Lava Jato, o conglomerado vem sofrendo um revés atrás do outro. Nesse período, os contratos minguaram e a dívida ficou grande demais para o novo tamanho do grupo baiano, que não teve outra alternativa a não ser recorrer à Justiça para se proteger do ataque dos credores.

Previdência deve começar a ser discutida na comissão especial nesta terça

Previdência deve começar a ser discutida na comissão especial nesta terça Previdência deve começar a ser discutida na comissão especial nesta terça

Consultoria Financeira em Renegociação de Dívida , Recuperação Judicial , Antecipação de Recebível, Refinanciamento de Imóvel, Refinanciamento de Caminhão e Refinanciamento de Veículos. Recuperação Judicial e ExtraJudicial deEmpresa.

Recuperação Judicial da Odebrecht S.A. Odebrecht S.A. (“ODB”) comunica que ajuizou hoje, em conjunto com suas sociedades controladoras e certas controladas, (todas em conjunto, as “Empresas”), pedido de recuperação judicial das Empresas perante a Comarca da Capital do Estado de São

O pedido feito nesta segunda-feira inclui 21 companhias, incluindo a Kieppe e a ODBinv – controladoras da Odebrecht. As empresas operacionais, como Engenharia e Construção, Enseada e OR (braço imobiliário do grupo), ficaram de fora da recuperação, segundo comunicado da empresa. Desta forma, elas continuarão renegociando suas dívidas separadamente.

Dos R$ 98,5 bilhões, R$ 51 bilhões serão de fato renegociados com os credores; R$ 33 bilhões são de empréstimos intercompanhias; e R$ 14,5 bilhões são alienação fiduciária – boa parte referente a dívidas garantidas com ações da Braskem. Segundo especialistas no assunto, embora esse montante esteja fora da recuperação judicial num primeiro momento, os credores poderão aderir ao processo posteriormente. Isso significa que, no total, R$ 83,6 bilhões poderão ser renegociadas no âmbito judicial.

O que é a recuperação judicial e como ela afeta o futuro da Odebrecht, alvo da Lava Jato

O que é a recuperação judicial e como ela afeta o futuro da Odebrecht, alvo da Lava Jato O que é a recuperação judicial e como ela afeta o futuro da Odebrecht, alvo da Lava Jato

O Grupo Oi requereu o pedido de recuperação judicial em 20 de junho de 2016, com base na Lei de Recuperação Judicial e Falências (Lei nº 11.101/2005) A plataforma é direcionada aos credores autores de incidentes processuais (habilitação ou impugnação de crédito) ainda sem decisão judicial

O pedido de recuperação ajuizado contempla R $ 51 bilhões de dívidas concursais, ou seja, passíveis de proteção de credores pela Justiça Com uma dívida de quase R $ 12 bilhões , a Atvos – empresa de açúcar e álcool da Odebrecht – entrou ontem em recuperação judicial .

O pedido feito pela Odebrecht começou a ganhar mais força na semana passada. A empresa tentava de todas as formas escapar de uma recuperação judicial por acreditar que o processo destrói valor da empresa. Mas, com a pressão promovida pela Caixa Econômica Federal nos últimos dias, o grupo sucumbiu à necessidade de recorrer à Justiça. Nesta segunda-feira, antes de seguir para o Fórum, em São Paulo, advogados e executivos do grupo ficaram reunidos durante boa parte do dia. O despacho com o juiz estava marcado para as 16 horas. Quase 50 minutos depois, o pedido já havia sido protocolado pelo escritório E. Munhoz.

A gota d’água para o grupo foi o início do pedido de execução de uma dívida do Itaquerão (estádio do Corinthians) pela Caixa. Desde que a Atvos – empresa de açúcar e álcool da Odebrecht – entrou em recuperação judicial no mês passado, o banco iniciou uma campanha para receber parte das dívidas do grupo. O objetivo da Caixa era conseguir ações da Braskem como garantia à sua exposição ao grupo. Dos bancos credores, apenas Caixa e o Banco Votorantim não têm seus créditos junto ao grupo cobertos por ações da petroquímica. A exposição da Caixa na Odebrecht supera R$ 2 bilhões.

Odebrecht deve R$ 17 bi a bancos públicos sem garantias de pagamento

Odebrecht deve R$ 17 bi a bancos públicos sem garantias de pagamento Odebrecht deve R$ 17 bi a bancos públicos sem garantias de pagamento

Ao final da Recuperação Judicial , o Administrador Judicial apresentará a consolidação do Quadro Geral de Credores em que serão atualizadas tais informações. O pagamento dos créditos anteriores à Recuperação Judicial seguirá as condições previstas pelo Plano.

“O risco de recuperação judicial deixou de existir”, afirmou Newton de Souza, diretor-executivo do Grupo, ao jornal Valor Econômico. Odebrecht entra com maior pedido de recuperação judicial da história. Com dívida de R $ 638 mi, dona da Capodarte e da Ortopé pede recuperação judicial .

O problema é que, para dar ações da Braskem, a Odebrecht precisaria do aval dos demais bancos detentores de papéis. Além disso, como as ações caíram, o valor da Braskem é insuficiente para cobrir dívidas. Ou seja, para a Caixa ter as ações, outro credor precisaria ceder parte de suas garantias.

Além de Caixa, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Santander, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Fundo de Investimento do FGTS (FI-FGTS) são os maiores credores do grupo. Segundo fontes próximas as negociações, quase todas as instituições estavam dispostas a chegar a um acordo com a empresa, com exceção da Caixa.

O banco tem iniciado um processo para devolução de recursos para o Tesouro Nacional. A expectativa do banco é devolver cerca de R$ 20 bilhões até o fim do ano, o que tem feito o presidente da instituição, Pedro Guimarães, endurecer as negociações – o executivo tem sido irredutível nas negociações e quase atrapalhou a venda de alguns ativos da Odebrecht.

Queda

Em nota, o grupo afirmou que tem enfrentado todos os desafios para cumprir seus compromissos. No auge, a companhia chegou a faturar R$ 132 bilhões. Mas, da mesma forma que as receitas aumentaram, a dívida também cresceu. Entre 2008 e 2015, o endividamento total do grupo saltou de R$ 18 bilhões para R$ 110 bilhões. O número de funcionários alcançou 193 mil trabalhadores.

Corinthians nega que tenha ligação com Recuperação Judicial da Odebrecht

Corinthians nega que tenha ligação com Recuperação Judicial da Odebrecht Corinthians nega que tenha ligação com Recuperação Judicial da Odebrecht

Com dívidas de R $ 98,5 bilhões , Odebrecht pede recuperação judicial . Compõem o pacote R $ 51 bilhões em débitos diretamente sujeitos à recuperação judicial e R $ 14,5 bilhões extraconcursais —que possuem garantias extras, como as ações da Braskem —, além de R $ 33 bilhões em dívidas

A Odebrecht holding entrou com pedido da maior recuperação judicial na América Latina em 17 de junho, buscando reestruturar R $ 98,5 bilhões , ou mais de US$ 25 bilhões em dívidas , empréstimos entre companhias e avais. Unidades como a Braskem e a Odebrecht Engenharia e Construção SA

“Hoje são 48 mil postos de trabalho em consequência da crise econômica que frustrou muitos dos planos de investimentos feitos pela Odebrecht, do impacto reputacional pelos erros cometidos”, disse a empresa em nota. No ano passado, o grupo já havia passado por uma grande renegociação, que terminou com aporte de R$ 2,6 bilhões no grupo. Mas o fôlego durou pouco. No fim do ano passado, a construtora Odebrecht deixou de pagar uma dívida de R$ 11 milhões e passou a despertar a desconfiança dos credores. Hoje, a construtora está em renegociação de US$ 3 bilhões com detentores de títulos da empreiteira. No mês passado, foi a vez da Atvos entrar em recuperação judicial depois que um credor entrou na Justiça e conseguiu o arresto de parte da produção da empresa. Para completar o conjunto de más notícias, a holandesa LyondellBasell desistiu de comprar a Braskem, o que aliviaria o caixa da Odebrecht.

Agora com a recuperação judicial, o grupo tem 60 dias para apresentar o plano para os credores.

Passivo de R$ 15 bi com Gradins

O passivo da família Gradin, sócia da família Odebrecht, com o grupo pode alcançar R$ 15 bilhões, nos cálculos de alguns envolvidos numa discussão que está prestes a começar em câmara arbitral.

O valor envolvido é de, no mínimo, R$ 2,5 bilhões, correspondentes ao montante que está no processo movido pela Graal Participações, da família Gradin, relativo a uma opção de compra dos 20,5% de participação dos Gradins na holding exercida pela Odebrecht, mas não paga.

Imprensa espanhola põe Juanfran na mira do São Paulo; clube não avança

Imprensa espanhola põe Juanfran na mira do São Paulo; clube não avança Imprensa espanhola põe Juanfran na mira do São Paulo; clube não avança

O processo de recuperação judicial é dividido em três etapas. Fase postulatória. É quando o devedor entra com a ação pedindo sua recuperação judicial . No pedido , ele deverá apresentar as razões de sua crise, a contabilidade dos últimos três anos, as dívidas que possui

22 de outubro de 2016 | 06h00. A Cotia Trading, uma das mais tradicionais do País e que se tornou referência nos anos 1980, entrou nesta sexta-feira, 21, com pedido de recuperação judicial na 1ª Vara Cível da Comarca de São Paulo. Com dívidas de cerca de R $ 700 milhões, a trading já estava

Na perspectiva de alcançar o valor estão contabilizados correção monetária, já que a disputa foi iniciada em 2010, e a demanda dos Gradins de revisão no cálculo do valor da participação, o qual consideram ter sido subavaliado.

Mesmo que a holding ingresse com um pedido de recuperação judicial, ficando protegida desse crédito, existe entendimento no meio jurídico de que o processo arbitral não será prejudicado.

De toda a forma, os Gradins já entraram com execução extrajudicial da primeira parcela de R$ 471 milhões da opção de compra da participação pela Odebrecht. /COLABORARAM ALINE BRONZATI E FERNANDA GUIMARÃES
_________________________________________________________________________________

Galeria de fotos: Polêmica em Chernobyl, naufrágio, futebol e mais destaques da semana (Photos)

Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial
Com dívidas de quase R$ 100 bilhões, Odebrecht pede recuperação judicial

Kyle Walker renova com o Manchester City.
Kyle Walker renova com o Manchester City O Manchester City anunciou nesta quarta-feira a renovação do contrato com Kyle Walker. O vínculo, que era válido até junho de 2022, foi prolongado para junho de 2024. Atualmente com 30 anos de idade, o lateral direito se prepara para fazer a sua terceira temporada nos Citizens. Ao todo, o jogador já atuou pelo clube em 100 jogos, balançou as redes duas vezes e conquistou seis títulos.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 10
Isto é interessante!