Política: Rede de Fake News pró-Bolsonaro no WhatsApp segue ativa - PressFrom - Brasil

Política Rede de Fake News pró-Bolsonaro no WhatsApp segue ativa

16:31  20 setembro  2019
16:31  20 setembro  2019 Fonte:   catracalivre.com.br

CPMI das Fake News convoca representantes do WhatsApp, Google, Twitter e Facebook

CPMI das Fake News convoca representantes do WhatsApp, Google, Twitter e Facebook CPMI das Fake News convoca representantes do WhatsApp, Google, Twitter e Facebook

Revelação de que rede de fake news pró - Bolsonaro continua ativa foi feita pelo UOL. A reportagem do UOL mostrou que uma rede de disseminação de fake news pró - Bolsonaro , com O WhatsApp cancelou ao menos 1,5 milhão de contas de usuários brasileiros desde as eleições

A rede que espalhou Fake News pró - Bolsonaro pelo WhatsApp na campanha eleitoral do ano passado segue parcialmente ativa , segundo reportagem do UOL. Dados apontam que 80% das contas no aplicativo de mensagens estavam em funcionamento no início da semana.

  Rede de Fake News pró-Bolsonaro no WhatsApp segue ativa © Foto: Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/Getty

A rede que espalhou fake news pró-Bolsonaro pelo WhatsApp na campanha eleitoral do ano passado segue parcialmente ativa, segundo reportagem do UOL.

Dados apontam que 80% das contas no aplicativo de mensagens estavam em funcionamento no início da semana.

Segundo o UOL, foram analisadas 1.690 linhas telefônicas nacionais e internacionais, contas e grupos de WhatsApp mapeados por dois coletivos de ativistas digitais –Programadores Brasileiros pela Pluralidade e Democracia e o Hackers pela Democracia. Do total, 1.355 ainda permanecem ativas.

Ainda segundo a reportagem do UOL, a atividade destes perfis diminuiu, mas parte continua ativa e disparando mensagens em grupos de apoio ao presidente, que depois são compartilhadas organicamente de grupo em grupo.

Na CPI das 'fake news', 3 de cada 4 parlamentares votaram para criminalizar divulgação de boatos

Na CPI das 'fake news', 3 de cada 4 parlamentares votaram para criminalizar divulgação de boatos Entre os 42 integrantes da comissão que analisaram o veto de Bolsonaro no mês passado, 33 se posicionaram para derrubá-lo, incluindo o presidente e a relatora

Uma rede de disseminação de fake news pró - Bolsonaro , com uso de robôs e disparo em massa de mensagens, não foi completamente desativada depois das eleições presidenciais do ano passado. Muitas linhas telefônicas utilizadas nos disparos durante as eleições são usadas hoje em dia para

A rede de desinformação que espalhou notícias falsas ( fake news ) e deturpadas pró - Bolsonaro pelo aplicativo WhatsApp durante as eleições do ano passado com o uso de robôs e disparo em massa de mensagens continua pelo menos parcialmente ativa até hoje: 80% das contas no aplicativo de

Veja também:Dimenstein: piores inimigos de Bolsonaro estão no Palácio do Planalto

Vídeo: Golpe, rejeição e governo: veja Temer no 'Roda Viva' (TV Cultura)

Receba notícias pelo
Messenger
Leia notícias pelo celular com
nosso app
Assine nossa
newsletter

TSE conclui que campanha de Bolsonaro não fez disparos em massa no WhatsApp .
TSE conclui que campanha de Bolsonaro não fez disparos em massa no WhatsAppA ação questionava a legitimidade da eleição do atual presidente, e foi movida pelo PT (Partido dos Trabalhadores), a partir de uma série de reportagens publicadas pelo jornal Folha de S.Paulo a partir de dezembro de 2018.

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 0
Isto é interessante!