Política WhatsApp admite envio ilegal de mensagens nas eleições 2018

19:40  08 outubro  2019
19:40  08 outubro  2019 Fonte:   catracalivre.com.br

Copiando o Telegram? WhatsApp está testando mensagens que se autodestroem

  Copiando o Telegram? WhatsApp está testando mensagens que se autodestroem Copiando o Telegram? WhatsApp está testando mensagens que se autodestroem .De acordo com a página, o novo recurso já está disponível para as conversas em grupo, mas é muito provável que ele também seja inserido nos bate-papos privados. As imagens abaixo já mostram a funcionalidade nas configurações de grupo, sob o nome Disappearing Messages, bem como a opção de quanto tempo as mensagens devem permanecer visíveis no grupo (cinco segundos ou 1 hora, mas devemos ter outras opções de tempo).

O WhatsApp admitiu pela primeira vez que a eleição brasileira de 2018 teve uso de envios maciços de mensagens , com sistemas automatizados contratados de Segundo o executivo, a plataforma já esperava que as eleições brasileiras de 2018 fossem palco de campanhas de desinformação.

O WhatsApp admitiu , pela primeira vez, o envio ilegal de mensagens em massa nas Eleições de 2018 , com sistemas automatizados contratados por empresas. A disputa presidencial foi protagonizada pelos candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), com vitória do primeiro.

  WhatsApp admite envio ilegal de mensagens nas eleições 2018 © Foto: Vanessa Carvalho/Getty

Reportagem da jornalista Patrícia Campos Mello, na Folha de S.Paulo, informa que o WhatsApp admitiu, pela primeira vez, que as eleições de 2018 no Brasil tiveram uso de envios massivos e ilegais de mensagens. O disparo foi feito por meio de sistemas automatizados contratados de empresas.

Em palestra no Festival Gabo, o gerente de políticas públicas e eleições globais do WhatsApp, Ben Supple, disse: “Na eleição brasileira do ano passado houve a atuação de empresas fornecedoras de envios massivos de mensagens, que violaram nossos termos de uso para atingir um grande número de pessoas”.

Como casais podem lidar com as saias-justas nas redes sociais

  Como casais podem lidar com as saias-justas nas redes sociais Apresentado no Vasco, Guarín fala em aprimorar forma: 'Não quero chegar no campo e decepcionar a torcida'

Pela primeira vez, o WhatsApp admitiu que as eleições presidenciais brasileiras de 2018 tiveram envio maciço ilegal de mensagens através do aplicativo . Os conteúdos foram enviados por empresas que fazem uso de bots , o que é proibido tanto pelo WhatsApp quanto Tribunal Superior

Pela primeira vez, o WhatsApp admitiu o uso de envios maciços de mensagens , com sistemas automatizados contratados de empresas, nas eleições de 2018 . Em palestra no Festival Gabo, realizado no final de setembro em Medelín, na Colômbia, o gerente de políticas públicas e eleições

A Folha revelou, em reportagens publicadas desde outubro do ano passado, que, durante a campanha eleitoral, houve a contratação de empresas de marketing que faziam envios de mensagens políticas, usando CPFs de idosos de forma fraudulenta e até mesmo contratando agências estrangeiras.

Segundo uma das reportagens, empresários apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PSL) bancaram o disparo de mensagens em massa contra seu adversário nas eleições, o petista Fernando Haddad.

O executivo do WhatsApp também condenou, no mesmo evento, os grupos públicos da plataforma acessados por meio de links que compartilham conteúdo político, em sua maioria relacionados ao governo Bolsonaro.

Questionado se o uso do WhatsApp por campanhas políticas violava as regras, ele afirmou: “Não viola desde que se respeitem todos os termos de uso [que vedam automação e envio massivo]. Todos estão sujeitos aos mesmos critérios, não importa se quem usa é um candidato à Presidência ou um camponês do interior da Índia.”

Leia a reportagem na íntegra.

Veja também:Rede de Fake News pró-Bolsonaro no WhatsApp segue ativa

________________

Veja também:WhatsApp bane 1,5 milhão de contas em todo o Brasil

De novo? Boato sugere que WhatsApp passará a cobrar por mensagens .
De novo? Boato sugere que WhatsApp passará a cobrar por mensagensNão suficiente, a lorota ainda indica o que você deve fazer para evitar para que a sua conta no WhatsApp não receba as tais cobranças:

—   Compartilhe notícias nas redes sociais

Vídeos temáticos:

usr: 2
Isto é interessante!